:: home :: posts passados :: etilíricas :: je me souviens :: microcontos ::


.:: post anterior :: :: :: :: navegue pelos posts :: :: :: :: próximo post ::.

Eu morro e não vejo tudo

"Paranáuê, paranáuê"

"Que sociedade é essa? Não é a da liberdade absoluta, cuja tendência é suicida. Há muita verdade no verso de Jorge Mautner, que diz que 'a liberdade é a consciência de seu limite'".

Delfim no Valor Econômico de hoje, se valendo do maluco beleza para explicar qual foi a sociedade civilizada que o Brasil escolheu construir a partir da Constituição de 1988.

posted at 14:59:04 on 31-03-2015 by DJ Mandacaru - Category: Tectum Intuentes


Comentários

Sem comentários


Incluir comentário